Cerejas

No domingo, recomecei um Juneberry Triangle, um modelo do Jared Flood.

Não consigo parar de tricotá-lo…!

Na primeira tentativa, tive a sorte de ter a Raquel a ditar-me as instruções, numa viagem Londres-Porto. (Sim, as agulhas intercambiáveis passam nos voos). Pode dizer-se que a ajuda da Raquel foi um luxo, já que este modelo não tem o que eu chamo, carreiras de descanso, nas quais tricotamos liga de uma ponta à outra. Não, este modelo tem muitas acções quer na frente quer no avesso, com laçadas, borbotos, diminuições inclinadas e afins do tricot…!

Depois de já ter uma boa parte do xaile tricotado, desisti dele e desfiz, já que a lã e a cor que tinha escolhido, não resultavam bem no modelo. A lã era demasiado grossa e a cor embora bonita, não era a minha cor…

Feltes Tweed Aran

Acabei por fazê-lo no Malabrigo Sock, na cor Ravelry Red e estou muito contente com o resultado!

Juneberry

Para quem ainda não conhece, é imprescindível uma visita à página  Brooklyn Tweed, fundada pelo Jared Flood, e agora trabalhada por uma equipa.

Penso que gosto de praticamente todos os modelos. Eles são tricotados em duas lãs –  Shelter e Loft,  e por aqui, temos encontrado algumas lãs para as substituir. A produção da Shelter e da Loft é muito limitada e só se encontra na Europa à venda em duas lojas. Mas vale a pena experimentá-las, pois são maravilhosas.

Uma das lojas em que está disponível , (e que confesso serviu-me de inspiração antes de abrir a Ovelha) é a Loop em Londres, que tem loja online.

Até já e bom tricot!

 

0 comments on “Juneberry”

  1. O xaile ficou lindo 🙂
    O Jared Flood é o melhor!

    … mas ainda melhor que ele, são essas cerejinhas. Hummmmmm! <3

    beijo*

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.